Thaís Fersoza conta que teve síndrome do túnel do carpo na 1ª gravidez

Síndrome do Túnel do Carpo afeta cerca de 60% das gestantes, mas pouco se fala a respeito

O túnel do carpo é uma passagem estreita que estar no pulso de todos os seres humanos e formada por pequenos ossos e uma forte faixa de tecido. Passando pelo túnel do carpo há tendões, veias e nervos, incluindo o nervo mediano, que controla as sensações e movimentos nas mãos. Quando este nervo mediano é de alguma forma comprimido ocorre a Síndrome do Túnel do Carpo.

 A Síndrome do Túnel do Carpo é uma condição normal comum que causa uma sensação de formigamento, dormência e às vezes até dor nas mãos e nos dedos.

Lamentavelmente, esta síndrome é muito comum durante a gestação. De acordo com o Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido cerca de 60% das gestantes apresentam sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo.

E por que ela é tão comum entre as grávidas? Acontece que durante a gestação é normal as mulheres ficarem com o corpo mais inchado devido ao excesso de fluido no organismo. E parte desse fluido pode se acumular no túnel do carpo, pressionando o nervo mediano, comprimindo-o e causando formigamento e dormência em suas mãos e dedos.

O incomodo gerado pela Síndrome do Túnel do Carpo pode variar de leve a muito dolorido e pode afetar uma ou as duas mãos.

Os principais sintomas da Síndrome do Túnel do Carpo são:

  • Dormência e formigamento nos dedos, mãos e pulso;
  • Dor nos dedos e mão e pulso latejando;
  • Dedos inchados e quentes;
  • Dificuldade em agarrar objetos e menos sensibilidade nas mãos;

Assunto pouco mencionado

Mesmo sendo uma condição tão comum entre as gestantes, pouco se fala sobre a Síndrome do Túnel do Carpo na gravidez. Justamente por nunca ter ouvido nada sobre o assunto, a atriz Thais Fersoza contou que ficou bastante preocupada quando começou a apresentar os sintomas dessa síndrome. Veja o que ela disse sobre o assunto em seu canal no Youtube:

“Uma coisa que ninguém tinha me falado e eu comecei a sentir na gravidez é um formigamento muito grande nas mãos. E ninguém tinha me falado que isso acontecia. Daí eu fui perguntar para a minha médica e ela me falou que é muito comum e que muitas gravidas tem isso. Parece que é pelo inchaço mesmo. E olha que eu fiz drenagem! Eu estou com um negócio agora que chamam de Síndrome do Túnel do Carpo, eu estou com uma dor bem aqui no dedo e não estou sentindo as pontas dos dedos. É bem ruim essa sensação e está me dando um pouquinho de agonia, não é legal não. Isso é uma curiosidade, uma coisa que as pessoas não comentam. Claro, ninguém sai falando: ‘olha quando você ficar grávida pode ser que você fique com dormência nas mãos’. Mas foi uma surpresa pra mim, eu realmente fiquei muito preocupada, fui procurar ortopedista. Falei com a Drª Carla (ginecologista de Thais) e quando eu falei com ela, ela me esclareceu o que era. Eu fiquei bem mais aliviada e estou torcendo para isso passar quando a Melinda nascer porque não é legal, você perde um pouco a textura das coisas, pro toque. Fica aí a dica, pra quem tiver também e não souber que existe isso, não se assustem viu? Se você ficar com dormência nas mãos na gravidez é por causa do inchaço!”.

Veja o depoimento dela:

Tratamento da Síndrome do Túnel do Carpo na gravidez:

A Síndrome do Túnel do Carpo na gravidez normalmente passa nos dias após o nascimento do bebê. Há casos, que esta recuperação pode levar alguns meses.

Algumas atitudes podem ajudar a reduzir os sintomas desta síndrome na gestação. Veja quais são:

Descansar: O uso excessivo de suas mãos pode aumentar seus sintomas. Tente reduzir as atividades não essenciais, sempre que possível e descanse as mãos e pulsos sobre um travesseiro sempre que puder.

Gelo: Aplique um pequeno saquinho de gelo ao seu pulso por dez minutos ou coloque o pulso sob uma torneira fria. Alternar calor e frio também pode ajudar: você pode usar uma bacia de água fria e uma bacia de água morna. Alterne entre quente e fresco por um minuto em cada, faça isto durante cinco a seis minutos. Você pode fazer isso três a quatro vezes por dia.

Elevação: Ao descansar, mantenha o antebraço e a mão erguidos apoiando-o com uma toalha ou travesseiro enrolado. Isso ajudará a reduzir o inchaço.

Evitar o sal: o excesso de sal na gestação pode favorecer o inchaço, o que por sua vez pode piorar ainda mais a Síndrome do Túnel do Carpo, por isso é bom não abusar do sal na alimentação.

 


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇